Programação (locais)

Caixa Cultural - Cinema 1

Av. Alm. Barroso, 25 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, 20031-003
28 de Novembro
17h30

Cerimônia de abertura

(10 anos)

  • O Jogo

    Uma família, como tantas que enfrentam o genocídio nas favelas, revelando outra face deste jogo.

    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    19
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Clementino Junior
    Direção de fotografia: 
    Pedro Gomes
    Flavio Cabral
    Roteiro: 
    Pedro Gomes
    Elenco: 
    Dani Ornellas
    Rodrigo França
    Carlos Eduardo Jay
    Rollo
    Marcelo Pontual
    Montagem e edição: 
    Pedro Gomes
    Equipe - outros: 
    • Direção de Produção - Ross Leone
    • Câmera - Flavio Cabral
    • Produtor Associado - Urso Santos
    • Assistente de Direção - André Sandino
  • Diários de classe

    Frequentando salas de aula de alfabetização para adultos em escolas na periferia e no presídio feminino em Salvador, o documentário Diários de Classe acompanha o cotidiano de três mulheres, uma empregada doméstica, uma jovem transexual e uma encarcerada por tráfico de drogas, que buscam sobreviver em um sistema que insiste em apagar as suas vidas.

    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    72
    Local: 
    Bahia
    Direção: 
    Maria Carolina da Silva
    Igor Souza
    Direção de fotografia: 
    Gabriel Teixeira
    Montagem e edição: 
    Iris de Oliveira
    Maria Carolina da Silva
    Equipe - outros: 
    • Assistente de Direção - Érika Saldanha
    • Fotografia - Gabriel Teixeira
    • Câmeras – Gabriel Teixeira, Igor Souza e Maria Carolina da Silva
    • Câmera adicional - João Tatu
    • Som Direto - Ana Penna e Juan Penna
    • Som Direto Adicional – Pedro Garcia
    • Microfonista - Cristina Lima
    • Direção de Produção - Érika Saldanha
    • Assistente de Produção - Pedro Gonçalves
    • Pesquisa - Daiane Silva
29 de Novembro
17h00

Workshop

Comunidade e Mobilização no YouTube: Desenvolvendo canais de nicho e crescimento de mercado

Descrição: Para se tornar um influenciador digital relevante você precisa acima de tudo, gerar engajamento em volta do seu conteúdo. Mas como gerar uma comunidade ativa? Quais são os requisitos para que um influenciador digital se torne realmente relevante? Como traço uma linha editorial sobre meu conteúdo até a formação da minha própria comunidade? O curso “Comunidade e Mobilização” foi elaborado não apenas como um direcionamento para produtores de conteúdo, mas também como um esclarecimento de como estreitar o diálogo entre marcas e influenciadores.

Ministrante: Diogo Nery

Diogo Nery é sócio e diretor estratégico da INOVA Colab, produtora e aceleradora voltada gestão de canais de nicho no YouTube e plataformas digitais, com foco em criadores periféricos no Rio de Janeiro. Já atuou como facilitador para projetos de impacto positivo na cidade, trabalhou com fotografia publicitária e moda editorial, além de filmmaker e roteirista pelo canal Multishow. É formado em Cinema pela PUC-Rio e atualmente desenvolve mapeamento de novos formatos, criadores de conteúdo e empreendimentos digitais voltados para YouTube, Facebook e Instagram.

30 de Novembro
16h30

Panorâmica 1

(16 anos)

  • O SILÊNCIO DA NOITE É QUE TEM SIDO TESTEMUNHA DAS MINHAS AMARGURAS

    Rodado nas cidades de São José do Egito, em Pernambuco; Ouro Velho e Prata, na Paraíba, o documentário tem como personagem a própria poesia, presente no cotidiano da população que vive na fronteira entre os dois estados. Nas festas, nas casas, nas ruas, nos mercados, em barbearia e bares a verve poética aparece na voz dos descendentes de célebres vates do sertão e dos habitantes que convivem com essa tradição, relembrando histórias de cantorias, grandes respostas poéticas e dissertando sobre o sentimento e os temas da poesia na região.

    Instituição/produtora: 
    Vilabela Produções Artísticas Ltda EPP
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    78
    Local: 
    Pernambuco
    Direção: 
    Petrônio de Lorena
    Direção de fotografia: 
    Roberto Iuri
    Direção de arte: 
    -
    Roteiro: 
    Narjara Medeiros
    Petrônio de Lorena
    Trilha sonora: 
    Petrônio e as Criaturas
    Zeto
    Elenco: 
    Severina Branca
    Jorge Filó
    João Badalo
    Antônio Marinho
    Ésio Rafael
    Zé Rocha
    Greg Marinho
    Nõe de Job
    Expedito Vaqueiro
    Produção: 
    Vilabela Produções
    Montagem e edição: 
    Çarungauá
1 de Dezembro
16h30

Panorâmica 2

(14 anos)

  • Som Sem Sentido

    A Jornada silenciosa, lírica, e por vezes perturbadora, de uma mulher, realizadora de cinema, por de trás dos muros de um hospital psiquiátrico, onde mulheres passam anos, dias e horas sem que lá fora, os que passam há horas, dias e anos, percebam seus olhos, seus sons, suas verdades, suas existências.

    Instituição/produtora: 
    Pata Negra
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    52
    Local: 
    Rio Grande do Sul
    Direção: 
    Gabriela Bervian
    Direção de fotografia: 
    Gabriela Bervian
    Direção de arte: 
    -
    Roteiro: 
    Gilson Vargas
    Gabriela Bervian
    Trilha sonora: 
    Gilson Vargas
    Elenco: 
    -
    Produção: 
    Gilson Vargas
    Montagem e edição: 
    Gabriela Bervian
18h30

Panorâmica 3

(Livre)

  • O Som do Tempo

    O Som do Tempo é um longa-metragem que conta 20 anos de história do rap carioca através de imagens históricas e depoimentos. O filme começou a ser produzido em 2009 tendo seu término em 2016. Foi também em 2009 o ano de lançamento do documentário "De Repente: poetas de rua" (2004 - 2009) de Arthur Moura que aborda a cena do rap no seu início no bairro da Lapa. Nesses sete anos de produção d´O Som do Tempo foram filmados mais de 70 pessoas do rap no Rio de Janeiro de diversas regiões da cidade somando dezenas de horas de filmagens. O crescimento do rap, as rodas de rima, o cinema e os clipes, a questão de gênero, o negro, a história do movimento, os beat makers e produtores, grupos e MC´s formam a narrativa do filme que é construída a partir da história e experiências dos envolvidos com a cultura.

    Instituição/produtora: 
    202 filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    100
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Arthur Moura
    Direção de fotografia: 
    Arthur Moura
    Direção de arte: 
    Leandro Rezende
    Roteiro: 
    Gabriel Moreno e Arthur Moura
    Trilha sonora: 
    Vinicius Eduardo, Três Pretos outros
    Produção: 
    202 filmes
    Montagem e edição: 
    Arthur Moura
2 de Dezembro
16h30

Panorâmica 4

(Livre)

  • A Princesa do Beco e o Lampião Cromado

    A Princesa do Beco e o Lampião Cromado (Recife, ficção, 88 minutos) mostra a favela como nunca foi vista no cinema. Para Severina, uma menina de dez anos que mora num beco estreito na periferia de Recife, a favela é cenário de conto de fadas, onde príncipes e cavaleiros de reinos rivais lutam entre si, e onde o romance entre realezas do maracatu e do break pode surgir a qualquer momento.  Severina conta a história do seu herói, Okado, um jovem bailarino de breakdance que acaba de ser convidado a interpretar um ganguista numa novela. Okado deseja apresentar um personagem honesto, e na sua inocência vai entrevistando traficantes que conhece para achar inspiração para criar seu personagem… Nessas buscas toca em um grande perigo: o verdadeiro mandante do tráfico, um policial corrupto, não quer que ninguém investigue seus negócios.  Enquanto os dragões fecham o cerco ao redor do beco e as tensões crescem entre as favelas rivais, Severina só vê uma esperança para salvar seu herói e os moradores do seu beco: uma lendária rabeca mágica que leva pessoas a dançarem quando iniciam uma briga. Ela se empenha para conseguir a rabeca, embora esteja em posse do chefe do tráfico da favela rival. Produzido numa colaboração internacional entre Shine a Light (USA), Usina da Imaginação (Brasil) e FavelaNews, colocando em cena artistas de favela e profissionais de cinema, A Princesa do Beco e o Lampião Cromado mistura a inocência e a ficção no imaginário infantil, e a inspiração da vida na periferia que oferece um documentário.

    Instituição/produtora: 
    Shine a Light/Usina da Imaginação
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    87
    Local: 
    Santa Catarina
    Direção: 
    Kurt Shaw
    Direção de fotografia: 
    Marcelo Lacerda
    Direção de arte: 
    Rita de Cácia Oenning da Silva
    Roteiro: 
    Kurt Shaw
    Trilha sonora: 
    Roderick Fonseca
    Elenco: 
    Ellan Barreto
    Produção: 
    Rita de Cácia Oenning da Silva
    Montagem e edição: 
    Kurt Shaw
18h30

Panorâmica 5

(Livre)

  • Contagem Regressiva

    “Uma voz é fraca pra gritar Quando se encontra sozinha. Só o encontro e o confronto Desativam a bomba relógio Em contagem regressiva. Coletiva, uma nova construção Pode ser erguida” Elaine Freitas A cidade do Rio de Janeiro foi dilacerada pela realização dos megaeventos. Durante a preparação para os Jogos Olímpicos, toda a já histórica tradição de violência de Estado e terrorismo racial se intensificou na cidade maravilhosa: desde o anúncio da escolha da cidade como sede  olímpica, em 02/10/2009, somente na capital, 77.206 pessoas foram removidas de suas casas, o "choque de ordem" instaurado pela prefeitura usou a mão pesada da guarda municipal para perseguir camelôs, ônibus que saiam de comunidades populares rumo às praias da Zona Sul tiveram linhas extintas ou encurtadas e crianças e jovens negros revistados em blitz policiais eram levados para a delegacia. Autoridades do Rio de Janeiro assumiram o saque, o racismo e o apartheid sem qualquer constrangimento.

    Instituição/produtora: 
    Couro de Rato
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    93
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Luis Carlos de Alencar
    Direção de fotografia: 
    Vladimir Seixas
    Roteiro: 
    Luis Carlos de Alencar
    Trilha sonora: 
    Andrigo de Lázaro, Mano Teko e MC Lasca
    Produção: 
    Justiça Global e Couro de Rato
    Montagem e edição: 
    Ricardo Gomes e Ricardo Moreira
3 de Dezembro
14h00

Panorâmica 6

(Livre)

  • A Noite dos Tempos

    Vinte anos após o recebimento de royalties do petróleo, e 13 bilhões de reais arrecadados - que não se sabe para onde foi, Cabo Frio se transformou radicalmente. Sua população triplicou e profundas transformações irreversíveis chegaram. Entre uma antiga cidade do interior e uma nova sociedade de consumo, algumas festas religiosas e tradições populares resistem ante a especulação imobiliária, e um novo e incerto futuro.

    Instituição/produtora: 
    Os 13 Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    60
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    RIcardo do Carmo
    Direção de fotografia: 
    Lucas Müller
    Roteiro: 
    Lucas Müller
    Ricardo do Carmo
    Produção: 
    Ricardo do Carmo
    Montagem e edição: 
    Leandro Oliveira

Memorial Municipal Getúlio Vargas

Praça Luís de Camões, S/N - Glória, Rio de Janeiro - RJ, 22210-005
1 de Dezembro
16h00

Cinema da Gema 1

(16 anos)

  • Juventude Coletiva

    Um mapa audiovisual dos movimentos culturais e artísticos composto por jovens na zona norte e baixada do Rio de Janeiro. Formados, em sua maioria, por moradores das regiões onde atuam, o filme discute o papel desempenhado por essa juventude no desenvolvimento de seus territórios e na formação de alternativas culturais em lugares que não são vistos como polos de produção de cultura nem pelo estado e nem pelo poder privado.

    Instituição/produtora: 
    Cinetrupe Produções
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    13
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Beto Waite
    Direção de fotografia: 
    Alexandre Mizrahi e Arthur Waite
    Roteiro: 
    Beto Waite
    Produção: 
    Thiago Tavares e Veridiana Cardoso
    Montagem e edição: 
    Rafael Ribeiro
  • Piano Forte

    Maurício Maia é um músico amador, autodidata. Vive em Coelho da Rocha na Baixada Fluminense, subúrbio de Rio de Janeiro. Cada vez que quer tocar piano, ele empreende uma viagem desde a periferia até ao centro da cidade, mapeando pianos para tocar. Ele vai “meio que no cheiro” mas nem tudo o que encontra serve. Os seus olhos brilham cada vez que descobre um piano liberado ao público, afinado, pronto para ele sentar e tocar. Maurício acredita que a sua música vai guiar o seu futuro, ter um piano é fundamental.

    Instituição/produtora: 
    Anabela Roque
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    10
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Anabela Roque
    Direção de fotografia: 
    Ana Clara Cartaxo
    Eduardo Kozlowski
    Roteiro: 
    Anabela Roque
    Trilha sonora: 
    Maurício Maia
    Produção: 
    Silvana Didonet
    Anabela Roque
    Montagem e edição: 
    Ana Clara Cartaxo
  • TRANSBAIXADA

    O que é ser trans na Baixada Fluminense? “TransBaixada” é um curta - documentário que traz um pequeno mergulho no universo trans na Baixada a partir dos relatos de três mulheres: uma cantora de funk de Queimados, uma funcionária da FIOCRUZ que mora em São João de Meriti e uma ex prostituta que viveu 10 anos na Itália mas não troca Caxias por nenhuma cidade do mundo.

    Instituição/produtora: 
    NUCA
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    15
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Renan Collier
    Direção de fotografia: 
    SAULO ADÃO
    Direção de arte: 
    SANDRO DEMARCO
    Roteiro: 
    RENAN COLLIER
    RALPH CAMPOS
    SAULO ADÃO
    Trilha sonora: 
    ÁTILA BEZERRA
    Elenco: 
    JULYANNA BARBORA
    ALESSIA ALMEIDA
    KAKAU FERREIRA
    Produção: 
    RALPH CAMPOS
    CLARIANA CASTRO
    Montagem e edição: 
    SAULO ADÃO
  • CORPO ESTRANHO

    Com o intuito de desconstruir uma realidade educativa ou sociossexual, quatro personas emprestam seus corpos, e dividem suas vidas, suas vozes, seus desafios de existir e sua resiliência política diante da leitura moralista e do conservadorismo cultural de gênero.

    Instituição/produtora: 
    SABIXONA
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    25
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    VIC ESTEVES
    ARANHA
    Direção de fotografia: 
    Leandro Pinho Generoso
    Roteiro: 
    ARANHA
    Trilha sonora: 
    JUP DO BAIRRO
    Elenco: 
    Kaline Andy Queiros Boaventura
    Def Ex Machina
    Carmen Laveau
    Jup do Bairro
    Produção: 
    SABIXONA
    Montagem e edição: 
    Vic Esteves
    Aranha
  • Gira

    Jardim Catarina é o maior loteamento urbano da América Latina. Washington é um jovem umbandista criado por uma Mãe de Santo que adotou dezenas de filhos ao logo da vida. Exú é mojubá

    Instituição/produtora: 
    Coletivo Poxavila
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    8
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Filipe Galvão
    Direção de fotografia: 
    Matheus Plastino
    Roteiro: 
    Filipe Galvão
    Trilha sonora: 
    André Cavallo
    João Paulo Gohar
    Produção: 
    Wesley Prado
    Montagem e edição: 
    Filipe Galvão
    Matheus Plastino
    Wesley Prado
18h00

Filme convidado

(14 anos)

  • Deixa na régua

    Os salões de barbeiro das favelas e dos subúrbios são os lugares onde a nova estética da periferia nasce e se expande. Ponto de encontro dos jovens, os "barbeiros" se tornaram espaços de troca dessa juventude. “Deixa na Régua” entra nesse universo e, entre cortes, giletes e tesouradas, mostra o que se passa na cabeça dos barbeiros e de seus clientes.

    Classificação indicativa:
    Ano de produção: 
    2017
    Direção: 
    Emilio Domingos
    Direção de fotografia: 
    Léo Bittencourt
    Roteiro: 
    Emílio Domingos
    Julia Mariano
    Produção: 
    Julia Mariano
    Emílio Domingos (Osmose Filmes)
    Montagem e edição: 
    Jordana Berg, edt.
    Equipe - outros: 
    • Direção de Produção: Julia Mariano
    • Som Direto: Julio Lobato
    • Assistente de Direção: Guilherme Ferraz
    • Fotografia Adicional: Leo Nabuco e Paulo Castiglione
    • Som Adicional: Bruno Espirito Santo
    • Produção de Set: Julia Kurc
    • Pesquisa: Emílio Domingos
    • Assistente de Edição: Bianca Oliveira e Paula Fanaia
    • Assistente de Produção: Guilherme Ferraz
    • Still: Saulo Nicolai
    • Produção de Finalização: Emílio Domingos e Paula Fanaia
    • Designer e Videografismo: Rodrigo Lima
    • Assessoria Jurídica: Paula Tupinambá
    • Edição de Som e Mixagem: Vinicius Leal e Jesse Marmo
    • Assistente de Edição de Som: Daniel Velutini
    • Pós Produção: Afinal Filmes
    • Coordenação: Alexandre Rocha e Marcelo Pedrazzi
    • Correção de Cor: Beto Salvi
    • Assistente de Finalização: Danielle Feno
    • Transcrição: Bianca Oliveira e Guilherme Ferraz
    • Comunicação e Publicidade: Tufi Sami
    • Assessoria de Imprensa: Joca Vidal
    • Assistente de Produção Executiva: Carolina Moreira e Mariana Assunção (Jurubeba Produções)
    • Assistente de Produção de Base: Daniel Araujo (Jurubeba Produções)
    • Motorista: Gilson Gargaglione de Aguiar
    • Música:
      • Deixa na Régua(Lucas Santtana)
        Produzida por Lucas Santtana e Estevão Casé
        Gravada, Mixada e Masterizada por Estevão Casé no Rockit Estúdio
        Lucas Santtana: Voz, Bateria Eletrônica, Baixos e Sintetizadores.
2 de Dezembro
16h00

Cinema da Gema 2

(Livre)

  • A Copa dos Refugiados

    O futebol é uma linguagem universal, capaz de romper barreiras e unir povos. Realizada desde 2014, em São Paulo, a Copa de Integração dos Refugiados se propõe a chamar a atenção dos brasileiros para cotidiano de refugiados e imigrantes, sobreviventes da maior crise humanitária desde a 2ª Guerra Mundial. A Copa se torna, assim, pano de fundo para falar de temas como identidade, deslocamento, aceitação, preconceito e sobrevivência, no dia a dia em uma grande metrópole latino-americana.

    Instituição/produtora: 
    Canal Futura / Luciano Pérez Fernández e Erika Azevedo
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    13
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Luciano Pérez Fernández
    Direção de fotografia: 
    Anderson Capuano
    Roteiro: 
    Luciano Pérez Fernández
    Produção: 
    Erika Azevedo
    Montagem e edição: 
    Rodrigo Daniel
  • As Pastoras

    Nas escolas de samba as mulheres cantoras são chamadas de Pastoras. Suas vozes dão leveza ao samba. Nos primórdios, as mulheres, ao cantar em coro as composições que mais gostavam, determinavam qual seria o samba vencedor na quadra. Hoje, as Pastoras fazem parte da Velha Guarda e continuam a emprestar suas vozes aos sambas mais tradicionais de suas escolas. No Rio de Janeiro, a Portela foi uma das primeiras escolas de samba a manter viva essa tradição. Neste documentário, vamos conhecer a história das quatro Pastoras da Portela: Tia Surica, Neide Santana, Áurea Maria e Jane Carla.

    Instituição/produtora: 
    Goiabeira Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    26
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Juliana Chagas
    Direção de fotografia: 
    Jônathas Araujo
    Trilha sonora: 
    Fabio Carneiro Leão
    João Henrique Costa
    Rodrigo Boecker
    Renato Saldanha
    Elenco: 
    Tia Surica
    Neide Santana
    Áurea Maria
    Jane Carla
    Montagem e edição: 
    Victor Hugo Berenger
    Diego Guimarães
  • PORTO, maravilha pra quem?

    “Porto, maravilha pra quem?” é um documentário que mostra as principais mudanças que ocorreram na região portuária do Rio de Janeiro nos últimos anos. Fruto da maior Parceria Público-Privada da Cidade, o projeto de revitalização tornou-se também um processo de remoções diretas e indiretas. Enquanto a orla reestruturada encanta quem passa pelas ruas do Boulevard Olímpico e da Praça Mauá - pela criação de museus, revitalização das ruas e a criação de um novo sistema de transporte - nas ruas internas do Porto, moradores esperam por melhorias de obras intermináveis. Revelam ainda o projeto Porto Maravilha não atende as necessidades das pessoas que vivem na região. O filme fala sobre a perda da identidade e a produção de novos significados sob a região que passa por remoções que são além de físicas: culturais, sociais e históricas.

    Instituição/produtora: 
    Produção independente
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    14
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Gabriela Cristina Maia Oliveira
    Jaqueline Suarez Bastos
    Luis Henrick Teixeira
    Direção de fotografia: 
    Gabriela Maia
    Jaqueline Suarez
    Luis Henrick Teixeira
    Roteiro: 
    Gabriela Maia
    Jaqueline Suarez
    Luis Henrick Teixeira
    Trilha sonora: 
    Lata D'água
    Best Rap Freeestyle Batlle Hip
    Elenco: 
    Cosme Felippsen
    Erotilde Carvalho
    Flávio Costa
    Alberto Silva
    Celina Rodrigues
    Roberto Nascimento
    Rogério Pacheco
    Produção: 
    Gabriela Maia
    Jaqueline Suarez
    Luis Henrick Teixeira
    Montagem e edição: 
    Jaqueline Suarez
  • Quijaua

    Na nação Angola, quijaua significa banho, ritual de ervas maceradas. Cura e fortalecimento feminino, construído coletivamente. O banho com ervas vem para renovar as energias da nossa existência. A renovação faz parte de um processo cíclico que nos acompanha desde o ventre de nossas mães e a água segue sempre percorrendo tudo levando pureza para alma.

    Instituição/produtora: 
    Coletiva
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    6
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Coletiva
    Direção de fotografia: 
    Coletiva
    Direção de arte: 
    Coletiva
    Roteiro: 
    Coletivo
    Trilha sonora: 
    Ana Beatriz Silva
    Ana Magalhães
    Beà Felício
    Dai Ramos
    Gabrielle de Souza
    Jec Barbos
    Maria Carol Almeida
    Patrícia de Souza
    Verônica da Costa
    Elenco: 
    Ana Magalhães
    Aissa Seidi
    Beá Felício
    Dai Ramos
    Evelyn Abarca
    Isa Oliveira
    Jec Barbos
    Marcella Gobatti
    Melissa Santos
    Patricia Bastos
    Patrícia de Souza
    Quesia Pacheco
    Sassá Souza
    Tatiana Henrique
    Thaina Farias
    Verônica Da Costa
    Produção: 
    Erika Candido
    Luciana Pereira
    Maria Carol Almeida
    Melissa Santos
    Raissa Rodrigues
    Roberta Costa
    Montagem e edição: 
    Amanda Palma
    Isabela Godoi
    Laís Dantas
    Sassá Souza
    André Bitencourt
    Vini Guerra
18h00

Filme convidado

(Livre)

  • Herois

    Classificação indicativa:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    70
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Cavi Borges
    Direção de fotografia: 
    Vinicius Brum
    Pedro Paiva
    Roteiro: 
    Cavi Borges
    Trilha sonora: 
    Alfredo Setrã
    Produção: 
    Carol Dib
    Pedro Rossi
    Gabriel Duran
    Montagem e edição: 
    Gabriel Duran
    Equipe - outros: 
    • Som: Marcito Vianna e Nilo

Caixa Cultural - Cinema 2

Av. Alm. Barroso, 25 - Centro, Rio de Janeiro - RJ, 20031-003
29 de Novembro
19h00

Cinema da Gema 1

(16 anos)

  • Juventude Coletiva

    Um mapa audiovisual dos movimentos culturais e artísticos composto por jovens na zona norte e baixada do Rio de Janeiro. Formados, em sua maioria, por moradores das regiões onde atuam, o filme discute o papel desempenhado por essa juventude no desenvolvimento de seus territórios e na formação de alternativas culturais em lugares que não são vistos como polos de produção de cultura nem pelo estado e nem pelo poder privado.

    Instituição/produtora: 
    Cinetrupe Produções
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    13
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Beto Waite
    Direção de fotografia: 
    Alexandre Mizrahi e Arthur Waite
    Roteiro: 
    Beto Waite
    Produção: 
    Thiago Tavares e Veridiana Cardoso
    Montagem e edição: 
    Rafael Ribeiro
  • Piano Forte

    Maurício Maia é um músico amador, autodidata. Vive em Coelho da Rocha na Baixada Fluminense, subúrbio de Rio de Janeiro. Cada vez que quer tocar piano, ele empreende uma viagem desde a periferia até ao centro da cidade, mapeando pianos para tocar. Ele vai “meio que no cheiro” mas nem tudo o que encontra serve. Os seus olhos brilham cada vez que descobre um piano liberado ao público, afinado, pronto para ele sentar e tocar. Maurício acredita que a sua música vai guiar o seu futuro, ter um piano é fundamental.

    Instituição/produtora: 
    Anabela Roque
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    10
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Anabela Roque
    Direção de fotografia: 
    Ana Clara Cartaxo
    Eduardo Kozlowski
    Roteiro: 
    Anabela Roque
    Trilha sonora: 
    Maurício Maia
    Produção: 
    Silvana Didonet
    Anabela Roque
    Montagem e edição: 
    Ana Clara Cartaxo
  • TRANSBAIXADA

    O que é ser trans na Baixada Fluminense? “TransBaixada” é um curta - documentário que traz um pequeno mergulho no universo trans na Baixada a partir dos relatos de três mulheres: uma cantora de funk de Queimados, uma funcionária da FIOCRUZ que mora em São João de Meriti e uma ex prostituta que viveu 10 anos na Itália mas não troca Caxias por nenhuma cidade do mundo.

    Instituição/produtora: 
    NUCA
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    15
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Renan Collier
    Direção de fotografia: 
    SAULO ADÃO
    Direção de arte: 
    SANDRO DEMARCO
    Roteiro: 
    RENAN COLLIER
    RALPH CAMPOS
    SAULO ADÃO
    Trilha sonora: 
    ÁTILA BEZERRA
    Elenco: 
    JULYANNA BARBORA
    ALESSIA ALMEIDA
    KAKAU FERREIRA
    Produção: 
    RALPH CAMPOS
    CLARIANA CASTRO
    Montagem e edição: 
    SAULO ADÃO
  • CORPO ESTRANHO

    Com o intuito de desconstruir uma realidade educativa ou sociossexual, quatro personas emprestam seus corpos, e dividem suas vidas, suas vozes, seus desafios de existir e sua resiliência política diante da leitura moralista e do conservadorismo cultural de gênero.

    Instituição/produtora: 
    SABIXONA
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    25
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    VIC ESTEVES
    ARANHA
    Direção de fotografia: 
    Leandro Pinho Generoso
    Roteiro: 
    ARANHA
    Trilha sonora: 
    JUP DO BAIRRO
    Elenco: 
    Kaline Andy Queiros Boaventura
    Def Ex Machina
    Carmen Laveau
    Jup do Bairro
    Produção: 
    SABIXONA
    Montagem e edição: 
    Vic Esteves
    Aranha
  • Gira

    Jardim Catarina é o maior loteamento urbano da América Latina. Washington é um jovem umbandista criado por uma Mãe de Santo que adotou dezenas de filhos ao logo da vida. Exú é mojubá

    Instituição/produtora: 
    Coletivo Poxavila
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    8
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Filipe Galvão
    Direção de fotografia: 
    Matheus Plastino
    Roteiro: 
    Filipe Galvão
    Trilha sonora: 
    André Cavallo
    João Paulo Gohar
    Produção: 
    Wesley Prado
    Montagem e edição: 
    Filipe Galvão
    Matheus Plastino
    Wesley Prado
30 de Novembro
19h00

Cinema da Gema 2

(Livre)

  • A Copa dos Refugiados

    O futebol é uma linguagem universal, capaz de romper barreiras e unir povos. Realizada desde 2014, em São Paulo, a Copa de Integração dos Refugiados se propõe a chamar a atenção dos brasileiros para cotidiano de refugiados e imigrantes, sobreviventes da maior crise humanitária desde a 2ª Guerra Mundial. A Copa se torna, assim, pano de fundo para falar de temas como identidade, deslocamento, aceitação, preconceito e sobrevivência, no dia a dia em uma grande metrópole latino-americana.

    Instituição/produtora: 
    Canal Futura / Luciano Pérez Fernández e Erika Azevedo
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    13
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Luciano Pérez Fernández
    Direção de fotografia: 
    Anderson Capuano
    Roteiro: 
    Luciano Pérez Fernández
    Produção: 
    Erika Azevedo
    Montagem e edição: 
    Rodrigo Daniel
  • As Pastoras

    Nas escolas de samba as mulheres cantoras são chamadas de Pastoras. Suas vozes dão leveza ao samba. Nos primórdios, as mulheres, ao cantar em coro as composições que mais gostavam, determinavam qual seria o samba vencedor na quadra. Hoje, as Pastoras fazem parte da Velha Guarda e continuam a emprestar suas vozes aos sambas mais tradicionais de suas escolas. No Rio de Janeiro, a Portela foi uma das primeiras escolas de samba a manter viva essa tradição. Neste documentário, vamos conhecer a história das quatro Pastoras da Portela: Tia Surica, Neide Santana, Áurea Maria e Jane Carla.

    Instituição/produtora: 
    Goiabeira Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    26
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Juliana Chagas
    Direção de fotografia: 
    Jônathas Araujo
    Trilha sonora: 
    Fabio Carneiro Leão
    João Henrique Costa
    Rodrigo Boecker
    Renato Saldanha
    Elenco: 
    Tia Surica
    Neide Santana
    Áurea Maria
    Jane Carla
    Montagem e edição: 
    Victor Hugo Berenger
    Diego Guimarães
  • PORTO, maravilha pra quem?

    “Porto, maravilha pra quem?” é um documentário que mostra as principais mudanças que ocorreram na região portuária do Rio de Janeiro nos últimos anos. Fruto da maior Parceria Público-Privada da Cidade, o projeto de revitalização tornou-se também um processo de remoções diretas e indiretas. Enquanto a orla reestruturada encanta quem passa pelas ruas do Boulevard Olímpico e da Praça Mauá - pela criação de museus, revitalização das ruas e a criação de um novo sistema de transporte - nas ruas internas do Porto, moradores esperam por melhorias de obras intermináveis. Revelam ainda o projeto Porto Maravilha não atende as necessidades das pessoas que vivem na região. O filme fala sobre a perda da identidade e a produção de novos significados sob a região que passa por remoções que são além de físicas: culturais, sociais e históricas.

    Instituição/produtora: 
    Produção independente
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    14
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Gabriela Cristina Maia Oliveira
    Jaqueline Suarez Bastos
    Luis Henrick Teixeira
    Direção de fotografia: 
    Gabriela Maia
    Jaqueline Suarez
    Luis Henrick Teixeira
    Roteiro: 
    Gabriela Maia
    Jaqueline Suarez
    Luis Henrick Teixeira
    Trilha sonora: 
    Lata D'água
    Best Rap Freeestyle Batlle Hip
    Elenco: 
    Cosme Felippsen
    Erotilde Carvalho
    Flávio Costa
    Alberto Silva
    Celina Rodrigues
    Roberto Nascimento
    Rogério Pacheco
    Produção: 
    Gabriela Maia
    Jaqueline Suarez
    Luis Henrick Teixeira
    Montagem e edição: 
    Jaqueline Suarez
  • Quijaua

    Na nação Angola, quijaua significa banho, ritual de ervas maceradas. Cura e fortalecimento feminino, construído coletivamente. O banho com ervas vem para renovar as energias da nossa existência. A renovação faz parte de um processo cíclico que nos acompanha desde o ventre de nossas mães e a água segue sempre percorrendo tudo levando pureza para alma.

    Instituição/produtora: 
    Coletiva
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    6
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Coletiva
    Direção de fotografia: 
    Coletiva
    Direção de arte: 
    Coletiva
    Roteiro: 
    Coletivo
    Trilha sonora: 
    Ana Beatriz Silva
    Ana Magalhães
    Beà Felício
    Dai Ramos
    Gabrielle de Souza
    Jec Barbos
    Maria Carol Almeida
    Patrícia de Souza
    Verônica da Costa
    Elenco: 
    Ana Magalhães
    Aissa Seidi
    Beá Felício
    Dai Ramos
    Evelyn Abarca
    Isa Oliveira
    Jec Barbos
    Marcella Gobatti
    Melissa Santos
    Patricia Bastos
    Patrícia de Souza
    Quesia Pacheco
    Sassá Souza
    Tatiana Henrique
    Thaina Farias
    Verônica Da Costa
    Produção: 
    Erika Candido
    Luciana Pereira
    Maria Carol Almeida
    Melissa Santos
    Raissa Rodrigues
    Roberta Costa
    Montagem e edição: 
    Amanda Palma
    Isabela Godoi
    Laís Dantas
    Sassá Souza
    André Bitencourt
    Vini Guerra
1 de Dezembro
15h00

Visorama 1

(14 anos)

  • Chapeuzinho Verde na Mata Atlântica

    O curta faz uma releitura do clássico Chapeuzinho Vermelho, em uma fábula musical ambientada no Maciço da Pedra Branca, um dos maiores parques urbanos do mundo, coberto por Mata Atlântica. Chapeuzinho Verde, a caminho da casa da vovozinha, encontra a bicharada desolada com o desmatamento que compromete o futuro da floresta. Agora ela e os bichos vão investigar quem é o responsável por esses acontecimentos e lutar para salvar seu lar.

    Instituição/produtora: 
    Lata Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    13
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Lata Doida (coletiva)
    Direção de fotografia: 
    Alexandra Boaventura
    Pedro Nunes
    Marcos Fellipe Silva
    Valquíria Pires
    Vandré Nascimento
    André Simões
    Direção de arte: 
    Valquíria Pires
    Grupo Catando Ideias
    Roteiro: 
    COLETIVO
    Trilha sonora: 
    Lata Doida
    Elenco: 
    Vanielle Bethania
    Valquíria Pires
    Helô Lira
    Priscila Mendes
    Vania Maria
    Samuel Macedo
    Vandré Nascimento
    Rafael Stewart
    Antônio Sena
    Leandro Ferreira
    Produção: 
    coletiva
    Montagem e edição: 
    Felipe Cataldo
  • Estrelas do Cruzeiro

    "Estrelas do Cruzeiro" acompanha o cotidiano escolar de uma turma do CIEP Gregório Bezerra no bairro da Penha/RJ, situado próximo ao morro do Cruzeiro, misturando realidade e ficção. Uma reflexão sobre a violência diária vivenciada pelos alunos nas comunidades onde vivem e seu transbordamento no ambiente escolar.

    Instituição/produtora: 
    Roda Produtiva Produção Artística
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    17
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Filipe Codeço
    Direção de fotografia: 
    Filipe Codeço
    Ludmylla Sodré dos Santos
    Direção de arte: 
    Filipe Codeço e alunos
    Roteiro: 
    Filipe Codeço e alunos
    Trilha sonora: 
    Filipe Codeço e alunos
    Elenco: 
    Ana Julia Pereira
    Ana Maria Pereira
    Ariele Ribeiro Ferreira
    Hávila Camilo Barcelos
    Ryan Nascimento de Souza
    Ludmylla Sodré dos Santos
    Pedro Eduardo L. de Brito
    Talita Raquel Dutra da Silva
    Isabella Chrsitine
    Willian Barbosa
    Gabryelle
    Produção: 
    Roda Produtiva Produção Artística
    Montagem e edição: 
    Filipe Codeço
  • Um rio que mora aqui

    Histórias de quem vive nas margens do rio Barigui, em Curitiba, filmadas por crianças que vivem no bairro.

    Instituição/produtora: 
    Janela Periférica
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    12
    Local: 
    Paraná
    Direção: 
    Filme coletivo
    Direção de fotografia: 
    Filme coletivo
    Roteiro: 
    Filme coletivo
    Produção: 
    Filme coletivo
    Montagem e edição: 
    Filme coletivo
  • ENQUANTO CALAM-ME OS AGUDOS

    Por meio da colagem de imagens captadas na cidade de São Paulo, junto à relatos de mulheres contemporâneas e de outrora sobre como é habitar e resistir no meio urbano, ENQUANTO CALAM-ME OS AGUDOS apresenta uma constelação de vozes que ecoam o espírito de luta da mulher que perfura o tempo.

    Instituição/produtora: 
    Centro Universitário Senac
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    18
    Local: 
    São Paulo
    Direção: 
    Laís Perini, Laysa Elias e Letíca Bina
    Direção de fotografia: 
    Laysa Elias
    Direção de arte: 
    Laís Perini, Laysa Elias e Letíca Bina
    Roteiro: 
    Laís Perini, Laysa Elias e Letíca Bina
    Trilha sonora: 
    Vitor Moraes
    Produção: 
    Laís Perini, Laysa Elias e Letíca Bina
    Montagem e edição: 
    Letíca Bina
17h00

Visorama 2

(16 anos)

  • Além de Mim

    "Além de Mim" se propõe a acompanhar a trajetória de mulheres-mães em torno dos percalços da maternidade, questionando, a partir de seus depoimentos, o ideal de abnegação, santidade e amor depositado em cima das mulheres. E não se atendo apenas ao papel materno, mas aos sonhos e vivências como mulher.

    Instituição/produtora: 
    Universidade Federal Fluminenese
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    16
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Gabriela Billwiller
    Laís Lorenço
    Direção de fotografia: 
    Laura Patiño Casasfranco
    Elenco: 
    Gislaine Teixeira
    Lilia de Abreu Oliveira
    Cristina Name
    Maria Virginia Casafranco
    Deise Pedrosa
    Sônia Cordeiro
    Andrea Moreira da Silva
    Luiza Helena Lemes Mathias
    Produção: 
    Marina Mathias
    Montagem e edição: 
    Gabriela Billwiller
  • Memórias da Solidariedade: Dona Terezinha

    Documentário produzido pelos alunos da oficina de criação em vídeo da Ação da Cidadania que conta a história da líder comunitária Terezinha Mendes da Silva, voluntária da Ação desde o tempo do Betinho

    Instituição/produtora: 
    Ação da Cidadania
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    17
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Ana Paula Pereira
    Hannah Cavalcanti
    Bernardo Simbalista
    Bia Marques
    Nico Silva
    Direção de fotografia: 
    Ana Paula Pereira
    Celso dos Santos
    Christiane da Rocha Rodrigues Perroni
    Kicko Ribeiro
    Márcia Alves
    Nico Silva
    Vinicius Atanásio
    Elenco: 
    Terezinha Mendes da Silva
    Maria Helena Andrade Neves
    Ana Maria da Silva Nogueira
    Maria de Lourdes
    Maria José da Conceição Andrade Gonçalve
    Valeria Rodrigues Reis
    Marilene V. Miranda
    Professor Jean Carlos Da Silva Souza
    Paulo Henrique
    Vitória
    Produção: 
    Bia Marques
    Montagem e edição: 
    Ana Paula Pereira
    Bernardo Simbalista
    Bia Marques
    Hannah Cavalcanti
    Kicko Ribeiro
    Márcia Alves
    Nico Silva
  • (Re)ocupar

    Os relatos dos moradores do Bairro dos Pimentas, localizado em Guarulhos (SP), nos convidam a questionar: quão representativas são as universidades localizadas em regiões periféricas do país? (Re)ocupar é um registro da relação dos integrantes do Campus de Humanidades da Universidade Federal de São Paulo, com os moradores do Pimentas. Através de entrevistas realizadas durante a ocupação dos estudantes na universidade, em novembro de 2016, são explorados quais os reais impactos da instituição na vida dos moradores, seus desafios, e suas perspectivas para o futuro.

    Instituição/produtora: 
    Academia Internacional de Cinema (AIC)
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    17
    Local: 
    Paraná
    Direção: 
    Edmar Augusto da Silva
    Fernanda Bedaque
    Julio Nunes Campos
    Leandro Olimpio
    Luiz Carlos Gama
    Trilha sonora: 
    Léo Ohuaz
    Criolo
  • NÃO PENSE QUE SABE SER QUEM É

    O filme é uma ficção inspirado no livro Tornar se Negro de Neuza Santos Souza e mostra o forte transtorno emocional de um jovem negro que resiste aceitar sua identidade.

    Instituição/produtora: 
    CONEXÃO DAS ARTES
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    7
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Leila Xavier
    Sandro Demarco
    Direção de fotografia: 
    Leila Xavier
    Sandro Demarco
    Direção de arte: 
    Leila Xavier
    Roteiro: 
    Sandro Demarco
    Trilha sonora: 
    Clementino Junior
    Elenco: 
    Rodrigo Mendes
    Mariana Silva Duarte
    Produção: 
    Josy Louzada
    Lucile Berger
    Pablo Barreto
    Tata Boeta
    Montagem e edição: 
    Clementino Junior
  • Sarau da onça - A poesia de quebrada

    sa.ra.u da on.ça - substantivo feminino e masculino 1. reunião preta dentro da periferia de Sussuarana, em Salvador/Ba para empoderar-se em poesia e gerar resistência. 2. encontro com finalidade de representatividade entre si, entre nós : pretas e pretos. 3. Energia que não cabe em dicionário.

    Instituição/produtora: 
    Instituto de Humanidades, Artes e Ciências - Professor Milton Santos - IHAC/UFBA
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    22
    Local: 
    Bahia
    Direção: 
    Vinicius Eliziário
    Direção de fotografia: 
    Vinicius Eliziário
    Mireli Almeida
    Loren Santiago
    Roteiro: 
    Vinicius Eliziário
    Elenco: 
    Sandro Sussuarana
    Joyce Melo
    Rilton Jr
    Indemar Nascimento
    PretoDisgraça
    Marcia Conceição
    Produção: 
    Erick Docilio
    Estevam Braz
    Montagem e edição: 
    Vinicius Eliziário
19h00

Fronteiras Imaginárias 1

(Livre)

  • Real Conquista

    Em Goiânia, no bairro Real Conquista, uma mulher, marcada por um forte passado de violência, luta por melhores condições de vida.

    Instituição/produtora: 
    Violeta Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    14
    Local: 
    Goiás
    Direção: 
    Fabiana Assis
    Direção de fotografia: 
    Leonardo Feliciano
    Direção de arte: 
    não tem
    Roteiro: 
    Fabiana Assis
    Trilha sonora: 
    não tem
    Elenco: 
    não tem
    Produção: 
    Violeta Filmes
    Montagem e edição: 
    Rafael de Almeida
  • Regeneração

    Uma cidade que sempre lutou pra ser outra coisa que não ela mesma.

    Instituição/produtora: 
    -
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    17
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Humberto Carrão
    Direção de fotografia: 
    Henrique Sales
    Direção de arte: 
    Humberto Carrão
    Danilo Ferreira
    Roteiro: 
    Humberto Carrão
    Elenco: 
    Renata Guida
    Kotoe Karasawa
    Julia Shimura
    Jéssica Ellen
    Produção: 
    Humberto Carrão
    Montagem e edição: 
    Humberto Carrão
  • Eu só quero é ser feliz - Uma breve história do funk carioca

    Contada a partir da visão dos artistas e realizadores que ajudaram a construir uma nova cultura presente nas periferias e favelas cariocas, o filme mostra como a harmonia entre os produtores musicais e jovens de favelas foi capaz de recriar estilos musicais, dando a eles um sentido inteiramente original.

    Instituição/produtora: 
    ANF Produções LTDA - ME
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    26
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    André Fernandes Gomes de Souza
    Roteiro: 
    Marcos Barreira
    Elenco: 
    Dj Marlboro, MC Geleia e outros
    Produção: 
    ANF Produções
    Montagem e edição: 
    Patrick Granja
2 de Dezembro
15h00

Fronteiras Imaginárias 2

(12 anos)

  • Somaré

    Somaré” fala sobre a relação de 5 jovens com seus espaços comuns na Favela da Maré. Lugares que eles resignificaram a partir de uma reflexão sonora. “Tem alguma coisa ali naquele espaço que reverbera alguma coisa no meu corpo “.

    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    23
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Lana Lo Bianco
    Direção de fotografia: 
    Sofia Pacciulo
    Roteiro: 
    Lana Lo Bianco
    Trilha sonora: 
    João Werneck
    Fabio Carneiro Leão
    Elenco: 
    Marilena Magdalena
    Thainá Farias
    Danielle Rodrigues
    Diego da Cruz
    Marllon Araújo
    Produção: 
    Geisa Lino
    Gaya Serra
    Montagem e edição: 
    Lana Lo Bianco
  • Terminal 3

    Em 2013, enquanto o país construía as grandes obras da Copa do Mundo, um grupo de 150 homens foi resgatado em situação de trabalho escravo na construção do Terminal 3 do aeroporto internacional de Guarulhos. Eles foram levados de vários estados do Nordeste a São Paulo por aliciadores a serviço da multinacional OAS, empresa de engenharia responsável pela obra. Desses trabalhadores mais de 50 vieram da cidade de Petrolândia-PE e foram encontrados em uma pequena casa na favela do entorno da obra, sem comida, sem abrigo e sem dinheiro para a viagem de regresso. O filme conta a história desses trabalhadores pela voz de um dos moradores dessa casa transformada em senzala, Josenildo Cruz Nunes, que mora com a família no interior de Pernambuco e continua viajando pelo país atrás de uma obra que construa seu maior sonho: trabalhar com dignidade.

    Instituição/produtora: 
    Papel Social
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    1440
    Local: 
    São Paulo
    Direção: 
    Thomaz Pedro
    Marques Casara
    Direção de fotografia: 
    Thomaz Pedro
    Roteiro: 
    Tulio Kruse
    Trilha sonora: 
    Daniel Grajew
    Montagem e edição: 
    Marcelo Vogelaar
  • PRETO NO BRANCO

    Roberto Carlos, 20 anos, jovem negro, encerrou o expediente e corre, em frente ao shopping onde trabalha para não perder o ônibus. Essa é sua versão. Sem que se dê conta é abordado violentamente por dois policiais que o algema e o joga dentro da viatura. Na delegacia é informado de que foi acusado de ter roubado a bolsa de uma jovem, Isabella. Mais do que isso, ele será reconhecido pela mesma. A acusação de Isabella é tão firme e a alegação de inocência de Roberto Carlos é tão tocante, que a delegada Patrícia não arrisca nenhum parecer. Instala-se o embate: Roberto alega inocência e Isabella, a culpa dele. Quem fala a verdade?

    Instituição/produtora: 
    Valter Sousa Rege - Edital Curta Afirmativo
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    15
    Local: 
    São Paulo
    Direção: 
    Valter Rege
    Direção de fotografia: 
    Felipe Hermini
    Direção de arte: 
    Monica Palazzo
    Roteiro: 
    Valter Rege
    Trilha sonora: 
    Rincon Sapiencia
    Elenco: 
    Marcos Oliveira , Maria Boop,
    Produção: 
    Maria Clara Fernandez
    Montagem e edição: 
    Igor Dias
17h00

Fronteiras Imaginárias 3

(14 anos)

  • CLOSE

    Jéssica, Suyanne, Bruna e Nathália estão detidas na Unidade Prisional, localizada em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza.Um espaço, várias histórias, a mesma esperança compartilhada por todas: resisti e lutar pelo fim do preconceito.

    Instituição/produtora: 
    Comunik Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    20
    Local: 
    Ceará
    Direção: 
    Rosane Gurgel
    Direção de fotografia: 
    Helton Vilar / Gerson Neto
    Roteiro: 
    Rosane Gurgel / Helton Vilar
    Trilha sonora: 
    Victor Catrib
    Produção: 
    Rosane Gurgel / Paula Brauner
    Montagem e edição: 
    Helton Vilar
  • Pele Suja Minha Carne

    João toma banho após mais uma pelada com seus amigos brancos.

    Instituição/produtora: 
    UFF
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    15
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Bruno Ribeiro
    Direção de fotografia: 
    Lucas Vinzon
    Vitor Novaes
    Direção de arte: 
    Paula Mermelstein
    Roteiro: 
    Bruno Ribeiro
    Trilha sonora: 
    Miguel Mermelstein
    Elenco: 
    Diego Francisco
    André Muniz
    Fernanda Dias
    Produção: 
    Laís Diel
    Julia Monnerat
    Montagem e edição: 
    Bruno Ribeiro
    Laís Diel
  • Tailor

    TAILOR é um cartunista transgênero que compartilha em sua página na internet experiências de outras pessoas trans e seus desafios dentro da sociedade. Um documentário animado sobre pessoas trans, feito por pessoas trans.

    Instituição/produtora: 
    Suma Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    9
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Calí dos Anjos
    Direção de fotografia: 
    Bia Marques
    Direção de arte: 
    Raissa Laban
    Roteiro: 
    Debora Guimaraes e Calí dos Anjos
    Trilha sonora: 
    Natalia Carrera
    Elenco: 
    Orlando Tailor, Tertuliana Lustosa, Bern
    Produção: 
    Bia Medeiros
    Montagem e edição: 
    Vinicius Nascimento
  • MARIA

    Maria nasceu aos 16 anos, numa cidade ensanguentada por corpos de peito e pau.

    Instituição/produtora: 
    EPARRÊI FILMES
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    17
    Local: 
    Amazonas
    Direção: 
    ELEN LINTH
    RIANE NASCIMENTO
    Direção de fotografia: 
    ELEN LINTH
    Direção de arte: 
    -
    Roteiro: 
    ELEN LINTH e MARIA MORAES
    Trilha sonora: 
    Creative Commons
    Elenco: 
    MARIA MORAES
    Produção: 
    DHEIK PRAIA
    Montagem e edição: 
    BÁRBARA UMBRA
19h00

Fronteiras Imaginárias 4

(16 anos)

  • Poesia Segunda Pele-O Filme

    O filme é uma forma de empoderamento da mulher, através do projeto” Poesia Segunda Pele”, enfoca a visibilidade a poesia Baixadense e protagonismo as mulheres sem estereotipar. O curta mostra, uma linguagem não linear, e sentimentos como: amor,sensibilidade,poder e muita poesia......

    Instituição/produtora: 
    cineclube Xuxu ComXis
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    14
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Criação Coletiva
    Pamela Ohnitram
    Kathlenn Ferreira
    Isabella Tavares
    Direção de fotografia: 
    Alex De Jesus
    Isabella Tavares
    Kathleen Ferreira
    Vitor Tatagiba
    Roteiro: 
    Camilla Senna
    Kathleen Ferreira
    Janaina Tavares
    Caroline Costa
    Paula Albuquerque
    Alex De Jesus
    Pâmela Ohnitram
    Trilha sonora: 
    Luiz Gustavo Souza
    Produção: 
    Cineclube Xuxu comXis
    Montagem e edição: 
    Pamela Ohnitram
  • Rosália Marginal

    Eu quero fazer meu próprio filme pra ficar por lá mesmo, falando português e mexendo a boca em inglês pro resto da vida.

    Instituição/produtora: 
    ECOM - Escola de Cinema Olhares da Maré / Redes da Maré
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    11
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Diego Jesus
    Direção de fotografia: 
    Andressa Cor
    Direção de arte: 
    Larissa Brujin
    Diego Jesus
    Roteiro: 
    Diego Jesus
    Trilha sonora: 
    Pedro Patrocínio
    Elenco: 
    Geandra Nobre
    Camila Carvalho
    Carlos Rock
    Produção: 
    Diego Alves
    Henrique Gomes
    Montagem e edição: 
    Diego Alves
    Diego Jesus
  • Rainha

    Rita finalmente realiza o sonho de se tornar a rainha da bateira da escola de samba de sua comunidade, todavia ela terá que lutar contra forças obscuras internas e externas…

    Instituição/produtora: 
    Fidalgo Produções e Mutuca Filmes
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2016
    Duração em minutos: 
    30
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    Sabrina Fidalgo
    Direção de fotografia: 
    Julia Zakia
    Direção de arte: 
    Kiti Soares
    Roteiro: 
    Sabrina Fidalgo
    Trilha sonora: 
    Gabriel Marinho
    Elenco: 
    Ana Flavia Cavalcanti
    Marilia Coelho
    Bianca Joy Porte
    Jerry Gilli
    Eduarda Teixeira
    Marco Andrade
    Ana Chagas
    Sabrina Fidalgo
    Produção: 
    Monica Botelho
    Sabrina Fidalgo
    Montagem e edição: 
    Antoine Guerreiro do Divino Amor
  • CABELO BOM

    Como as mulheres negras são pressionadas esteticamente para que se enquadrem em padrões pré-estabelecidos? O documentário de curta metragem “Cabelo bom“ propõe fazer um recorte desse universo. O filme dá voz a três personagens que expõe a relação delas e seu cabelo crespo. Elas conseguem contar suas trajetórias de vida, histórias de preconceito e nos mostrar como a autoaceitação de suas raízes, capilares inclusive, foi e é fundamental para se afirmarem como mulheres negras num pais como o Brasil.

    Instituição/produtora: 
    COFFEEMAN FILMES & IDEOGRAPH
    Classificação indicativa:
    Gênero:
    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    15
    Local: 
    Rio de Janeiro
    Direção: 
    SWAHILI VIDAL
    CLAUDIA ALVES
    Direção de fotografia: 
    PEDRO PIPANO
    Roteiro: 
    SWAHILI VIDAL
    Elenco: 
    GABI MONTEIRO
    AINÁ GARCIA
    TAY OLIVEIRA
    Produção: 
    SWAHILI VIDAL
    CLAUDIA ALVES
    LETICIA PEREIRA
    ZELIA BALBINA
    Montagem e edição: 
    BRUNO REGIS
3 de Dezembro
16h00

Cerimônia de encerramento com premiação dos filmes vencedores

(Livre)

  • Escolas em luta

    No estado mais rico e um dos mais conservadores do Brasil, o modus operandi da educação pública sofre um revés quando estudantes secundaristas reagem ao decreto oficial que determina o fechamento de 94 escolas e a realocação dos alunos. A resposta estudantil surpreende.

    Em poucos dias, por meio de redes sociais e aplicativos, eles organizam uma reação em uma verdadeira Primavera Secundarista – algo completamente inédito. Ocupam 241 escolas e saem às ruas para protestar. O estado decreta guerra aos estudantes. Toda relação se transforma após uma revolução. 

    Ano de produção: 
    2017
    Duração em minutos: 
    77
    Local: 
    São Paulo
    Direção: 
    Eduardo Consonni
    Rodrigo T. Marques
    Tiago Tambelli
    Direção de fotografia: 
    Tiago Tambelli
    Roteiro: 
    Carlos Maga
    Eduardo Consonni
    Inês Figueiró
    Rodrigo T. Marques
    Tiago Tambelli
    Trilha sonora: 
    Gustavo Monteiro
    Elenco: 
    Alícia Esteves
    Clara Esteves
    Elena Parolini
    Heudes Cássio de Oliveira
    Ingrid Fernandes
    Lilith Cristina
    Lucas Penteado
    Marcela Jesus
    Marcela Reis
    Nani Nunes
    Paula Nunes
    Sophia Tagliaferri
    Vitória Caroline
    Produção: 
    Adriana Guerra
    Beatriz Venâncio
    Carlos Maga
    Carol Misorelli
    Eduardo Consonni
    Edgar Bueno
    Fernanda Lomba
    Guilherme Valiengo
    Hugo Haddad
    Inês Figueiró
    Karem Almeida
    Letícia Fernandes
    Lili Almendary
    Luis Totem
    Macca Ramos
    Marcelo Krowczuk
    Maurício Monteiro
    Roberto Rocha
    Rodrigo T. Marques
    Thaís Taverna
    Tiago Tambelli
    Montagem e edição: 
    Eduardo Consonni
    Rodrigo T. Marques
    Equipe - outros: 
    • Câmeras: Antonio Brasiliano, Beatriz Venâncio, Carlos Maga, Charlene Rover, Thaís Taverna e Tiago Tambelli
    • Imagens adicionais: Caio Castor, Kátia Passos e Sérgio Silva
    • Som direto: Eduardo Consonni e Ubiratan Guidio
    • Pesquisa de materiais de arquivo: Eduardo Consonni, Letícia Fernandes, Rodrigo T. Marques e Tiago Tambelli

Galeria de imagens