Premiação

Mostra Panorâmica

Júri

  • Antônio Molina
  • Samantha Brasil

Troféu Mostra Panorâmica

FABIANA, de Bruna Laboissière.
Justificativa do Júri: Pela ousadia em documentar, via road movie, o cotidiano de uma mulher que transgride ao se aventurar na difícil profissão de caminhoneira pelas tortuosas estradas do nosso país.

  • Prêmio CIARIO, ao melhor Filme de Longa-metragem da Mostra Panorâmica  no valor de R$ 15.000,00 (quinze mil reais) em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria; da empresa NAYMAR, escolhido pelo júri oficial,  com validade de 2 anos;
  • Prêmio CineBrasilTV, contrato de licenciamento de 36 meses, sendo 30 meses exclusivos, nos valores de R$10.000,00 para longa documental e R$12.000,00 para longa ficcional;
  • Prêmio CTAv, empréstimo de equipamentos pelo período de 04 semanas;

Menção honrosa

RESPLENDOR, de Cláudia Nunes e Erico Rassi.
Justificativa do Júri: Pela costura de imagens que articula um passado próximo e um presente que tenta escapar das tristes memórias que aprisionaram culturas e pretenderam exterminar a cosmologia dos nossos povos originários. Para que jamais seja esquecido e para que não permitamos que seja repetido.

  • Prêmio Tela Brasileira, 2 assinaturas anuais no site Tela Brasileira.

Menção honrosa

AS PASTORAS - VOZES FEMININAS NO SAMBA, de Juliana Chagas.
Justificativa do Júri: Pela forma que nos introduz no universo do samba, pelo emprego das técnicas formais do audiovisual e pelo frescor da narrativa.

  • Prêmio Tela Brasileira, 2 assinaturas anuais no site Tela Brasileira.

Mostras Fronteiras Imaginárias e Cinema da Gema

Júri

  • Ana Paula Alver Ribeiro
  • Flávia Cândida

Troféu Cinema da Gema

LYZ PARAYZO ARTISTA DO FIM DO MUNDO, de Fernando Santana.
Justificativa do Júri: O filme nos apresenta com encanto o trabalho de umx artista periférica e seus questionamentos sobre corpo e território que desafiam de maneira precisa o sistema hegemônico das artes e o mise-en-scène à sua volta.

  • Prêmio CIARIO ao melhor Filme de Curta metragem da Categoria (Cinema da Gema) no valor de R$8.000,00 (oito mil reais) em locação de equipamentos de iluminação, acessórios e maquinaria,  da empresa NAYMAR, escolhido pelo júri oficial , com validade de 1 ano;
  • Prêmio CTAv, empréstimo de equipamentos pelo período de 02 semanas.

Menção Honrosa Coletivo Elviras

PREFIRO NÃO SER IDENTIFICADA, de Juliana Muniz
Justificativa do Júri: Pela construção poética singular, que conjuga ficção, documentário e performance de forma pungente e esteticamente instigante e joga necessária luz sobre o inadmissível e cotidiano genocídio do jovem negro e a dor da mãe que luta enlutada a cada novo amanhecer.

  • Prêmio IATEC, voucher de R$ 800,00 (oitocentos reais) para ser usado no curso a escolher

SEM ASAS, de Renata Martins.
Justificativa do Júri: A partir de um olhar sensível e ao mesmo tempo tensionando a realidade periférica, em conjunção com a atoralidade de Grace Passô, o júri Elviras pontua a importância narrativa e discursiva do filme.

  • Prêmio TELA BRASILEIRA, 01 assinatura anual no site TELA BRASILEIRA.

NADA ALÉM DA NOITE, Rodrigo de Janeiro.
Justificativa do Júri: Por mostrar com poesia o horror do golpe perpetrado contra Dilma Roussef a partir do olhar de uma criança frente à TV, da vida que segue numa família chefiada por mulheres trabalhadoras e da dicotomia crescente do poder e da cultura difundida pela igreja evangélica nas periferias.

  • Prêmio TELA BRASILEIRA, 01 assinatura anual no site TELA BRASILEIRA.